Páginas

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Afinal, o Palmeiras tem Mundial?


Em 2014, Joseph Blatter, então presidente da Fifa, reconheceu a Copa Rio de 1951, vencida pelo Palmeiras, como o primeiro título mundial de clubes da história. O comitê executivo da entidade que controla o futebol do mundo emitiu uma nota oficial afirmando que essa foi a primeira competição de abrangência mundial entre clubes. Vamos ao detalhes do futebol para entender toda essa confusão.


A Copa Rio foi organizada pela antiga CBD (Confederação Brasileira de Desportos) com 8 clubes, campeões nacionais, além de Palmeiras, como campeão do Torneio Rio-São Paulo de 1951, e Vasco, campeão carioca do mesmo ano: Sporting (Portugal), Austria Vienna (Áustria), Nacional (Uruguai), Juventus (Itália), Estrela Vermelha (Iugoslávia) e  o Nice (França). O verdão decidiu o título contra a Juventus. No primeiro jogo, venceu por 1 a 0, no Pacaembu, e na segunda partida, no Maracanã, empatou por 2 a 2, resultado que confirmou a taça.

Com a palavra, Joseph Blatter, em entrevista ao jornal "Estado de São Paulo":

“O Palmeiras, naquela época, foi o campeão do mundo de clubes. Naquele tempo (anos 50), eles foram os campeões. Vamos dar um certificado para todos os campeões. Agora, temos um campeão a cada ano”, disse Blatter.

Política e interesses envolvidos no reconhecimento da taça

Há alguns anos, os dirigentes palmeirenses lutavam pelo reconhecimento oficial do título, com a justificativa de que o torneio contava com clubes de todo o mundo. No ano em que se comemorou o centésimo aniversário do Palmeiras, o ex-mandatário da Fifa certificou a validação da taça. Ainda segundo o jornal, o ex-presidente da Federação Paulista de Futebol e atual presidente CBF, Marco Polo Del Nero (nos dias atuais sendo substituído pelo coronel Nunes, após punição da Fifa) que também é ex-membro do Comitê Executivo da Fifa, apoiou o pedido pelo reconhecimento do título. O dirigente era ligado ao presidente Paulo Nobre, do Verdão.Uma mera coincidência? Fato é que, a política esteve envolvida no assunto. Duvida? Uma ajudinha foi dada.

A declaração do ex-presidente da Fifa causou polêmica até nos corredores da entidade. No entanto, segundo o jornal, o campeonato não será considerado um torneio Fifa, mas foi certificado por ela. Entendeu? Foi lançada a dúvida, o Palmeiras tem Mundial? Apenas uma questão de interpretação.

Milton neves e as provocações

O jornalista e apresentador Milton Neves adora provocar os palmeirenses em suas redes sociais. Mesmo assim, ele apoiou os porcos nessa disputa. O apresentador em seu site oficial falou em outras palavras que a justiça foi feita. Ele ainda cutucou o título de 2000 do Corinthians. “Nada de equipes em pré-temporada, como aconteceu no “Mundial” corintiano, em 2000. Por essas e outras, é certo dizer: o título da Taça Rio-1951 vale muito mais do que o torneio de verão conquistado pelo Timão. Não adianta espernear, corintianos. E parabéns ao Palmeiras, primeiro campeão do mundo”, escreve o jornalista.

Piadas na internet

Com a confirmação do título da Copa Rio de 1951, o Palmeiras passou a ser motivo de chacota dos rivais. O Ministério dos Esportes, na época comandado pelo palmeirense Aldo Rebelo, foi o responsável por divulgar a informação em seu site oficial. Eita, rapaz.

Memes e mais memes

Após a febre em perguntar “Como pode dois mundiais com apenas uma Libertadores?”, em referência aos títulos corintianos, os viciados em comentar na internet resolveram escolher uma nova vítima nas redes sociais. A zoeira é simples e continua até hoje. Fazer uma piada com o Palmeiras por não ter título mundial ou ironizar o título de 51 tem rendido vários likes.

Derrotado, mas fortalecido


Por enquanto, o Palmeiras ainda não conseguiu conquistar a Libertadores da América e o Mundial no mesmo ano. E em 2016, o Palmeiras já se despediu do torneio continental precocemente. A obsessão dos palmeirenses continua. Cuca, atual técnico, prometeu ainda no vestiário da arena o time na briga pelos títulos do Paulista, do Brasileirão, da Copa do Brasil e no ano seguinte, voltar a disputar o título da tão sonhada Libertadores.

"São apenas detalhes do futebol"